Arquivo da tag: #amazoniabrasileira

COMBUSTÍVEIS RENOVÁVEIS

Slide1

A redução das emissões é decisiva para o futuro da aviação e o óleo de palma pode contribuir para a descarbonização da economia. Você sabia que há muitos combustíveis renováveis, em função da fonte de energia utilizada (vegetal, animal ou residual)?

A Brasil BioFuels (BBF), associada Abrapalma, vai investir cerca de R$ 2 bilhões em uma biorrefinaria para produzir mais de 500 mil litros de HVO (diesel verde) e SAF (querosene verde de aviação) a partir de óleo de palma.

Saiba mais em: 

BIG PUSH da palma de óleo na Amazônia brasileira

Slide1

 

Ficou interessado? Confira o material aqui: 

 

MANIFESTO DE ENTIDADES DO SETOR AGROINDUSTRIAL

Confira a íntegra do documento aqui: 

 

Acompanhe a repercussão do manifesto:
G1: https://g1.globo.com/politica/blog/julia-duailibi/post/2021/08/30/entidades-veem-com-grande-preocupacao-escalada-de-tensoes-entre-as-autoridades-diz-carta-que-pede-harmonia-para-os-tres-poderes-veja-integra.ghtml
Folha de S. Paulo: https://www1.folha.uol.com.br/mercado/2021/08/entidades-da-agroindustria-se-contrapoem-a-fiesp-e-divulgam-seu-manifesto.shtml
Estado de Minas: https://www.em.com.br/app/noticia/politica/2021/08/30/interna_politica,1300796/entidades-ligadas-ao-agronegocio-divulgam-manifesto-em-defesa-da-democracia.shtml
Revista Fórum: https://revistaforum.com.br/politica/agronegocio-divulga-manifesto-contra-instabilidade-no-pais-veja-a-integra/
Brasil 247: https://www.brasil247.com/brasil/agroindustria-divulga-manifesto-pela-harmonia-politica-e-contra-o-radicalismo
Broadcast: http://www.broadcast.com.br/cadernos/agro/?id=YjJpVDlZdDJGK0RXZDJhZWE1L3BhUT09
O Antagonista: https://www.oantagonista.com/brasil/que-nossas-liderancas-se-mostrem-a-altura-do-brasil-dizem-entidades-do-agro-em-manifesto/
Jovem Pan: https://jovempan.com.br/noticias/economia/apos-recuo-da-fiesp-agronegocio-publica-manifesto-em-defesa-da-democracia.html

MAPA DA PALMA DE ÓLEO NO BRASIL

 

Slide1

Confira o mapeamento inédito apresentado pela Agroportal a pedido da Associação Brasileira de Produtores de Óleo de Palma (ABRAPALMA):

PLANO DE ORIENTAÇÃO PARA RESTAURAÇÃO DE ÁREAS NA MICRORREGIÃO DE TOMÉ-AÇU/PA

CI-capa

Diante do desafio de proteger o capital natural ameaçado, promover a produção sustentável, mecanismos de governança territorial e o bem-estar humano, a CI-Brasil vem desenvolvendo no Bioma Amazônia a estratégia Amazônia +, que tem como pilares a Restauração de Paisagens Florestais, apoio a elaboração e implantação de Políticas Públicas, mecanismos de Governança Territorial e fortalecimento de Cadeias Produtivas Sustentáveis de Produtos Florestais.
Este documento refere-se ao produto da atividade 2.2 do projeto “Conservação, Produção e Inclusão Social: A Palma de Dendê como Vetor de Desenvolvimento Sustentável no Centro de Endemismo Belém”, e tem como objetivo apresentar o plano de orientação para restauração de áreas estratégicas para conservação e produção no contexto da atuação no Centro de Endemismo Belém, junto à empresa Agropalma, com a qual a CI-Brasil mantém parceria há mais de dez anos.
Neste sumário executivo são apresentados os principais resultados obtidos pelos estudos sobre priorização de áreas para restauração florestal na Amazônia, que compõem este documento.

Acesse o PDF:

o BIG PUSH da palma de óleo na Amazônia Brasileira

O BIG PUSH DA PALMA DE ÓLEO NA AMAZÔNIA BRASILEIRA: TRABALHO DECENTE COMO MODELO DE NEGÓCIO SUSTENTÁVEL

Autoria: Kátia Fernanda Garcez Monteiro

O objetivo do artigo é analisar a produção de óleo de palma no estado do Pará, Brasil, à luz da concepção sobre a agenda positiva do trabalho decente e através do “Big Push para a Sustentabilidade” desenvolvida pela CEPAL. Considerada como o óleo vegetal mais consumido no mundo atualmente, o óleo de Palma, se configura como uma importante fonte de emprego e renda na Amazônia Paraense. Entre as prerrogativas positivas nesta estudo de caso, estão: a) a integração entre uma agroindústria e agricultura familiar; b) criação de linha de financiamento e crédito para a cadeia da palma de óleo; c) criação de um aparato jurídico e técnico científico para a gestão ambiental da atividade produtiva; d) coordenação de espaços de diálogos institucionais favoráveis para a geração de negócios sustentáveis; e) geração de emprego e renda; f) redução da pobreza e promoção do trabalho produtivo e decente; g) alinhamento com a agenda 2030 global da ONU.

Slide1

O estudo de caso faz parte do Repositório de casos sobre o Big Push para a Sustentabilidade no Brasil, desenvolvido pelo Escritório no Brasil da Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (CEPAL) das Nações Unidas. Os direitos autorais pertencem à CEPAL, Nações Unidas. A autorização para reproduzir ou traduzir total ou parcialmente esta obra deve ser solicitada à CEPAL, Divisão de Publicações e Serviços Web: publicaciones.cepal@un.org. Os Estados-Membros das Nações Unidas e suas instituições governamentais podem reproduzir esta obra sem autorização prévia. Solicita-se apenas que mencionem a fonte e informem à CEPAL tal reprodução.

 

Acesse o PDF: 

Adição de óleo de palma na dieta sobre a lipidemia e a qualidade do sêmen de bubalinos

_611

 

Resumo: O estudo visou investigar o efeito da suplementação dietética com óleo de palma sobre o perfil sérico lipídico e as características seminais de touros bubalinos (Bubalus bubalis), bem como suas correlações. Doze touros foram alocados no Grupo CONT (n=5) ou Grupo ÓLEO (n=7) e receberam alimentação isoproteica composta por silagem de milho e concentrado (milho triturado, farelo de trigo e ureia), com proporção volumoso/concentrado de 50%, durante 130 dias (Períodos 1 e 2). Diferencialmente, óleo de palma foi adicionado ao concentrado (2% MS) do Grupo ÓLEO. Sêmen e sangue foram colhidos quinzenalmente. Houve aumento nas concentrações séricas de colesterol, HDL e lipídios totais nos animais do Grupo ÓLEO, enquanto o período influenciou nas taxas de colesterol, LDL, lipídios totais e VLDL (P<0,05). Houve decréscimo no turbilhonamento e discreta redução na integridade de membranas nos animais do Grupo ÓLEO (P<0,05). Correlações significativas foram encontradas entre triglicerídeos e defeitos menores (r=-0,412; P=0,006), LDL e defeitos totais (r=-0,333; P=0,030), lipídios totais e defeitos menores (r=-0.366; P= 0,017), lipídios totais e defeitos totais (r=-0.309; P= 0,046), e VLDL e viabilidade espermática (r=0,381; P=0,012), apontando efeitos positivos da maior lipidemia na morfologia e na viabilidade espermática. O uso de óleo de palma alterou o perfil lipídico sérico, mas não favoreceu per se os parâmetros seminais relacionados com o potencial de fertilidade dos touros.

 

Confira aqui a publicação da Embrapa: https://www.embrapa.br/busca-de-publicacoes/-/publicacao/986639/adicao-de-oleo-de-palma-na-dieta-sobre-a-lipidemia-e-a-qualidade-do-semen-de-bubalinos-bubalus-bubalis

SINTOMAS DE DEFICIÊNCIA NUTRICIONAL EM PALMA DE ÓLEO

Sintomas-capa

Este eBook auxilia o trabalho em campo de estudantes e profissionais de Ciências Agrárias e resulta de anos de observações e vivência prática entre os talhões de palma de óleo, com validações na literatura existente.
Com um texto simples e bastante ilustrado, a obra pode ser uma ferramenta de fácil consulta, mesmo em campo. Seu conteúdo foi validado por especialistas em palma de óleo ligados aos setores público e privado. Acreditamos que a cultura da palma de óleo é um celeiro para muitos estudantes e profissionais em inicio de carreira. Boa leitura!

 

Baixe o e-Book: 

Avaliação do desempenho econômico e do potencial de geração de renda da estrutura produtiva de pequena escala de dendezeiro híbrido interespecífico na mesorregião metropolitana de Belém, Pará

Autoria: SANTOS, J. C. dosHOMMA, A. K. O.SENA, A. L. dos S.MENEZES, A. J. E. A. de

Resumo: O dendezeiro híbrido interespecífico é um material genético alternativo ao dendezeiro africano tipo tenera, para áreas onde ocorre o mal denominado amarelecimento fatal, existindo na mesorregião Metropolitana de Belém um conjunto de pequenos produtores que possuem cerca de 1.100 ha da cultura em fase de produção, mas com baixo nível de emprego de tecnologias e de produtividade. O objetivo deste estudo foi determinar o custo de produção, a rentabilidade e a geração de renda do sistema produtivo e estimar o impacto socioeconômico de uma política de incentivo para o aumento da produtividade. Os resultados demonstraram que o sistema produtivo atualmente tem bom potencial de desempenho econômico e que os impactos socioeconômicos da política de incentivo da proposta foram de considerável volume em termos de geração de empregos e renda, com boa distribuição entre produtores e trabalhadores. A estrutura de custo de produção revelou que a polinização assistida representa um grande desafio para a pesquisa e para os produtores, na melhoria da eficiência econômica da produção

Ano de publicação: 2017

Tipo de publicação: Separatas